Foto por: Pedro Ugarte

O árbitro italiano Roberto Rosetti validou um gol do argentino Carlos Tevez em claro impedimento, neste domingo, no jogo entre Argentina e México pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

Aos 26 minutos, Lionel Messi tocou para o gol após rebote do goleiro mexicano em jogada de Tevez e o próprio atacante concluiu a jogada de cabeça, em posição ilegal.

Os mexicanos correram para reclamar e após muita discussão, que incluiu a consulta de Rosetti ao auxiliar, o italiano decidiu validar o gol, o segundo da Argentina.

Este foi o segundo erro claro de arbitragem neste domingo na Copa, após o uruguaio Jorge Larrionda ignorar um gol do inglês Frank Lampard por considerar, equivocadamente, que a bola não tinha cruzado a linha, na derrota dos ingleses por 4 a 1 para a Alemanha.

Foto por: Pedro Ugarte

O árbitro italiano Roberto Rosetti validou um gol do argentino Carlos Tevez em claro impedimento, neste domingo, no jogo entre Argentina e México pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

Aos 26 minutos, Lionel Messi tocou para o gol após rebote do goleiro mexicano em jogada de Tevez e o próprio atacante concluiu a jogada de cabeça, em posição ilegal.

Os mexicanos correram para reclamar e após muita discussão, que incluiu a consulta de Rosetti ao auxiliar, o italiano decidiu validar o gol, o primeiro da Argentina.

Este foi o segundo erro claro de arbitragem neste domingo na Copa, após o uruguaio Jorge Larrionda ignorar um gol do inglês Frank Lampard por considerar, equivocadamente, que a bola não tinha cruzado a linha, na derrota dos ingleses por 4 a 1 para a Alemanha.