Christophe Simon/AFP

O capitão da seleção da Inglaterra, Steven Gerrard, pediu neste domingo à Federação Internacional de Futebol (Fifa) que adote “a tecnologia” na arbitragem, após sua equipe ter um gol ignorado na derrota por 4 a 1 para a Alemanha nas oitavas de final da Copa.

“A Fifa terá que refletir porque vi a posição do auxiliar e estava na linha da área, e como poderia ver se a bola passou além da linha (do gol)?” – questionou Gerrard sobre o gol de Frank Lampard que a arbitragem ignorou.

“Quando você perde por 2 a 0 e faz um gol ganha confiança, mas quando olha a bola entrar e o árbitro ignora, é muito decepcionante”.

O disparo de Lampard bateu no travessão antes de cair dentro do gol e sair em em seguida, mas nem o uruguaio Jorge Larrionda nem o auxiliar validaram o gol.

O chute de Lampard ocorreu pouco antes do final do primeiro tempo, quando a Alemanha vencia por 2 a 1.

Para Gerrard, a tecnologia pode ser mais um “elemento” do jogo. “Não sou especialista, não sei se a tecnologia” aplicada “na linha do gol” poderia mudar as coisas, “mas a tecnologia hoje nos daria o gol” e “muita confiança para vencer os alemães”.