Philippe Desmazes/AFP

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) indicou nesta sexta-feira ter recebido uma queixa formal pelo tapa que o atacante argelino Rafik Saïfi deu em uma jornalista após a partida Argélia-Estados Unidos, na quarta-feira (1-0, vitória americana). “Recebemos uma queixa formal hoje (sexta-feira), e daremos detalhes mais tarde”, disse o porta-voz da Fifa, Pekka Odriozola, consultado a respeito das consequências do incidente. Na noite de quarta-feira, a jornalista Asma Halimi, do jornal argelino Compétition, levou um tapa na cara do atacante. Halimi respondeu na mesma moeda e desferiu uma bofetada no jogador na zona de entrevistas do estádio de Pretória, constatou um jornalista da AFP. “Escrevi um artigo sobre ele há algum tempo, talvez não tenha gostado”, disse Halimi sobre o incidente.