O secretário da Educação, Mauricio Requião, participa nesta segunda-feira (03) da abertura da sexta etapa do Festival de Arte da Rede Estudantil (Fera), na cidade-sede de Castro. O projeto, que proporciona o encontro da arte com educação, por meio de shows e oficinas de artes, literatura, música e teatro, se estende até sábado (08) e terá a participação de cerca de cinco mil estudantes.

Na última sexta-feira (30) Maurício Requião falou sobre o projeto à imprensa de Castro. A etapa na cidade envolve alunos e professores de 42 municípios vinculados aos núcleos de Educação das regiões de Ponta Grossa, Guarapuava, Irati, Wenceslau Braz e Telêmaco Borba. ?Este é um projeto integrador, do qual participam alunos da educação especial, indígena, profissionalizante e rural?, destacou o secretário. Segundo ele, o Fera foi pensado e criado para que as atividades artísticas passem a integrar o espaço escolar e o processo educacional.

O secretário também elogiou o apoio que o município de Castro está oferecendo para a realização do evento. ?Castro é a cidade que melhor acolheu o Fera, devido à contribuição das secretarias municipais de Educação e de Saúde, e de toda a prefeitura?, agradeceu.

A coordenadora do Festival, Alexandra Gil, explicou que uma das mudanças importantes ocorridas nesta segunda edição do Fera foi a sua maior amplitude. ?Conseguimos ampliar a participação dos alunos em 40% e também o número de oficinas. É importante que, a cada ano, consigamos oportunizar que mais estudantes tenham acesso a essa experiência?, ressalta. ?Desde a primeira edição conseguimos abranger praticamente todos os municípios e escolas do Estado?.

O encerramento desta etapa também será diferenciado. Segundo Alexandra Gil, no sábado (08) ocorrerá o ?Dia de Prata da Casa?, onde os alunos destaque serão presenteados com um troféu especial, e o primeiro colocado gravará o ?Programa TV Fera?, que já está passando na TV Educativa.

Além do secretário Maurício Requião e da coordenadora Alexandra Gil, também participaram da entrevista coletiva o prefeito de Castro, Moacir Fadel Junior, o secretário Municipal de Educação e presidente da UNDIME, Carlos Eduardo Sanches (Paulista), o coordenador geral da Undime e membro do Conselho Estadual de Educação, Luciano Neves, o presidente da Câmara Municipal de Castro, José Otávio Nocera, e os chefes dos núcleos regionais de Educação da região.