Uma decisão administrativa do presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Francisco Fausto, aumentou os salários de cerca de metade dos 1,8 mil servidores do TST. De acordo com a assessoria de comunicação do tribunal, a decisão implicará num gasto adicional mensal de aproximadamente R$ 500 mil com a folha de pessoal do TST. Por mês, o tribunal gastará cerca de R$ 15 milhões com salários.