Previdência social, acordos internacionais de comércio, multimobilidade do transporte brasileiro e oportunidades que Curitiba e Paraná oferecem na área corporativa são alguns dos temas que foram apresentados para o grupo de sete estrangeiros que estão na cidade para aprender a fazer negócios no Brasil. Os estudantes participam do Programa Doing Business in Brasil que o Instituto Superior de Administração e Economia (ISAE/FGV) mantém em parceria com a Moore University (Universidade da Carolina do Sul).

Há cerca de três meses em Curitiba, os alunos já aprenderam o português e agora estão na segunda fase do módulo internacional do Mestrado que cursam nos EUA. Até o dia 27 deste mês ainda terão palestras com ministrantes de peso como Ademar Cury (Brascan Energy) que falará sobre perfil energético no Brasil e Paraná, e Gino Oyamada (Vice-presidente da FESA ? Global Recruiters) que irá palestrar sobre o perfil do executivo brasileiro. ?Nosso objetivo é apresentar aos estudantes estrangeiros o cenário econômico e corporativo do país, além de peculiaridades do nosso mercado de trabalho e maneira de conduzir negócios?, afirmou George Amorim Natividade Filho, superintendente adjunto do ISAE/FGV.

Além disso, o grupo realiza visitas técnicas a grandes empresas e cursa uma cadeira do MBA em Gestão Estratégica do ISAE/FGV. ?Queremos integrá-los não só com empresários, mas com nossos professores e alunos.?, explica Dr. Norman de Paula Arruda filho, superintendente do ISAE/FGV. Os estudantes ainda têm a possibilidade de fazer um estágio em uma empresa brasileira quando as aulas no ISAE/FGV acabarem. Andrew é um deles. Ao final deste mês ele será integrado à equipe do Sebrae-Pr. ?É a terceira vez que recebemos um estagiário estrangeiro no Sebrae. Fazemos questão de participar do processo porque compreendemos essa integração como parte da tendência mundial de internacionalização dos negócios.

A experiência tem sido sempre muito positiva para os dois lados. Isso porque as atividades não se restringem ao campo corporativo, elas passam também por encontros informais como happy houers?, explica Ricardo Dellaméa, consultor de negócios internacionais do Sebrae/Pr que ministrou a palestra sobre pequenas e médias empresas para o grupo.

O Programa irá até o dia 27 de Abril, com atividades no ISAE/FGV.