A zona do euro registrou um superávit comercial de 2,8 bilhões de euros (US$ 3,9 bilhões) em março, em comparação com o déficit de 3,0 bilhões de euros de fevereiro, informou hoje a agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat. O resultado de fevereiro foi revisado para cima, após o cálculo inicial de déficit de 1,5 bilhão de euros.

O superávit de março, no entanto, foi menor do que o esperado pelos economistas. A estimativa era de que o valor das exportações excederiam o valor das importações em 3,0 bilhões de euros. Em março do ano passado, a zona do euro havia obtido um superávit de 2,7 bilhões de euros.

Em março, as exportações aumentaram para 157,9 bilhões de euros, ante 134,8 bilhões de euros em fevereiro, enquanto as importações cresceram para 155,1 bilhões de euros, ante 137,8 bilhões de euros.

Geralmente, a zona do euro registra superávit comercial em março, pois as importações de energia diminuem à medida que a temperatura aumenta na região. No entanto, mesmo em base ajustada, as exportações subiram 1,1% em março, depois de aumentar 1,6% em fevereiro e 4,1% em janeiro. As informações são da Dow Jones.