As vendas de papelão ondulado utilizados em embalagens – caixas, acessórios e chapas – caíram 7,58% em outubro de 2016 ante mesmo mês de 2015, para 281,297 mil toneladas. Na comparação com setembro de 2016, a alta foi de 2,11%. Os dados são finais referentes ao mês de outubro e foram divulgados nesta quinta-feira, 1, pela Associação Brasileira de Papelão Ondulado (ABPO).

No acumulado de janeiro a outubro de 2016, a comercialização de papelão ondulado soma 2,718 milhões de toneladas, o que representa uma queda de 2,25% ante igual intervalo de 2015.

De acordo com estes dados prévios, outubro é o segundo mês consecutivo de queda nas vendas na comparação com 2015. Em setembro, o recuo já havia sido de 3,06%, ante alta de 3,06% em agosto, de 0,05% em julho e de 3,02% em junho.