As vendas de imóveis residenciais usados nos EUA caíram 0,8% em junho, em comparação com maio, para a taxa anual sazonalmente ajustada de 4,77 milhões – o menor nível em sete meses -, segundo a Associação Nacional dos Corretores de Imóveis. Essa foi a terceira queda mensal seguida.

O resultado contrariou as estimativas dos economistas de aumento de 1,9% nas vendas, para 4,90 milhões de unidades. Em maio haviam sido vendidas 4,81 milhões de moradias usadas.

O preço médio dos imóveis subiu 0,8% em junho, para US$ 184.300, de US$ 182.900 um ano antes.

O estoque de casas usadas à venda cresceu para 3,8 milhões no fim de junho. Isso representa 9,5 meses de oferta ao ritmo atual de vendas.

Por regiões, as vendas de moradias usadas caíram 5,2% no Nordeste e 1,7% no Oeste, enquanto no Sul houve alta de 0,5% e no Meio Oeste houve aumento de 1,0%. As informações são da Dow Jones.