O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), anunciou hoje, em solenidade com a participação do presidente da Vale, Roger Agnelli, um plano de investimentos de R$ 9,5 bilhões da mineradora na implantação de uma nova mina e de duas usinas de beneficiamento de minério de ferro no Estado.

De acordo com informações divulgadas pelo governo de Minas Gerais, os aportes deverão ser aplicados até 2015 em sete municípios mineiros. Entre os projetos estão o da mina de Apolo, que consiste na abertura de uma lavra e na implantação de uma usina de beneficiamento para a produção de minério de ferro não aglomerado. Localizado entre os municípios de Santa Bárbara e Caeté, inicialmente o projeto era denominado Maquiné-Baú. Nele, deverão ser aplicados R$ 4,4 bilhões, com início de implantação previsto para 2010 e término em 2013. A produção será de 24 milhões de toneladas de minério de ferro por ano.

Outro empreendimento que deverá demandar R$ 2,68 bilhões prevê a implantação de uma nova usina de beneficiamento na mina de Conceição, em Itabira. Nessa unidade, serão produzidas 5 milhões de toneladas de minério de ferro não aglomerado por ano.

O terceiro projeto consiste na instalação de uma nova usina de beneficiamento, denominada Vargem Grande, que aproveitará minérios das minas de Abóboras, Tamanduá e Capitão do Mato. A usina fica entre os municípios de Nova Lima e Itabirito. Serão investidos R$ 2,3 bilhões, com produção prevista de 10 milhões de toneladas por ano. A execução do projeto tem início previsto para janeiro de 2010 e término em outubro de 2012.