São Paulo (AE) – A Telecom Italia (TI) está pensando em desistir da venda das operações móveis no Brasil, o que seria uma grande virada de estratégia, segundo fontes próximas às negociações. O motivo para desistir da venda não seria a falta de boas ofertas pela TIM Brasil, mas uma reconsideração, por parte dos italianos, da importância estratégica dos ativos, declarou uma das fontes.

Discussões sobre planos futuros têm gerado desentendimento dentro do conselho e podem provocar a saída do executivo-chefe, Riccardo Ruggiero, segundo a mesma fonte. Ruggiero é contra a venda da TIM Brasil, disse uma outra pessoa próxima à situação.

O jornal italiano La Repubblica publicou ontem, sem citar nomes, que Ruggiero pode deixar a TIM após a reestruturação da companhia, que terá três unidades de negócio – a saída de Ruggiero seria uma vitória para o vice-presidente da companhia, Carlo Buora. Representantes da Telecom Italia não comentaram o assunto.

Endividamento

A companhia italiana tem 100% da TIM Brasil, que por sua vez detém 81,2% das ações ordinárias da TIM Participações. A venda dos ativos no Brasil ajudaria a Telecom Italia a reduzir seu pesado endividamento, mas também representaria a perda de uma das principais fontes de crescimento.

No final de setembro, a dívida líquida da Telecom Italia estava em  39,5 bilhões de euros. A mexicana América Móvil, considerada a empresa com mais chances de comprar a TIM Brasil, teria feito uma oferta de US$ 8 bilhões pelos ativos brasileiros. Uma outra potencial compradora é a Telefónica, embora o grupo espanhol já tenha negado que comprará a TIM.

Ruggiero disse, no mês passado, que o conselho tomaria uma decisão sobre a venda dos ativos no Brasil no final deste ano. Uma mudança de planos seria a última reviravolta na estratégia divulgada pela Telecom Italia em setembro, cujo objetivo é reduzir o alto endividamento da companhia.

Marco Tronchetti Provera, que por muito tempo foi presidente da Telecom Italia, acabou deixando o posto após desentendimentos públicos com o governo italiano.