A Telecom Italia elevou de 1 bilhão para 1,25 bilhão de euros (US$ 1,7 bilhão) o volume de um empréstimo de refinanciamento que irá contrair após o processo de sindicalização ter levantado 1,8 bilhão de euros em compromissos dos bancos, disse uma fonte próxima do assunto.

Os bancos que estão coordenando o novo empréstimo de três anos são o Barclays, Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, Intesa Sanpaolo, Société Générale e Bank of Tokyo Mitsubishi. As informações são da Dow Jones.