A taxa de desemprego apurada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nas seis principais regiões metropolitanas do País ficou em 6,8% em dezembro, ante 7,4% em novembro, segundo divulgou hoje a instituição. Em dezembro de 2008, a taxa de desemprego havia ficado em 6,8%.

O resultado do mês passado ficou dentro do intervalo das estimativas dos analistas, que projetavam taxa de 6,20% a 6,90%. O rendimento médio real dos trabalhadores registrou variação negativa de 0,9% em dezembro ante novembro, mas subiu 0,7% na comparação com dezembro de 2008.

Média de 2009

A taxa de desemprego média anual de 2009 ficou em 8,1%, ante uma taxa de 7,9% no ano de 2008, informou o IBGE. A taxa é a segunda menor da nova série da Pesquisa Mensal de Emprego (PME), iniciada em 2002 e cujos dados anuais começaram a ser apresentados em 2003.