O ritmo de crescimento das importações na Alemanha superou o das exportações em março, segundo dados de escritório de estatísticas do país, Destatis.

Em termos ajustados, as exportações subiram 0,5% em março ante o mês anterior, recuperando-se após queda de 1,2% de fevereiro, enquanto as importações expandiram 0,8%, após queda de 3,9% de fevereiro.

O superávit comercial ajustado total do país ficou em 17,6 bilhões de euros (US$ 22,9 bilhões), superando as expectativas dos analistas consultado pela Dow Jones, de 16,5 bilhões de euros. Em fevereiro, o superávit comercial havia ficado em 17,7 bilhões de euros.

O superávit em conta corrente, a medida mais ampla da atividade econômica externa de uma economia, ficou em 20,2 bilhões de euros em março, ligeiramente acima da previsão de 20 bilhões de euros de analistas. Em fevereiro, o superávit em conta corrente havia ficado em 18,0 bilhões de euros.

Na comparação anual, no entanto, as exportações e as importações caíram. As exportações caíram 4,2% em março ante o mesmo mês do ano anterior, enquanto as importações diminuíram 6,9%. As informações são da Dow Jones.