Os sindicatos de aeroviários e aeronautas ligados à CUT e à Força Sindical protocolaram ontem na 8.ª Vara Empresarial do Rio um pedido para participar da comissão de credores da Varig. A companhia entrou em recuperação judicial – mecanismo que substituiu a concordata na nova lei de falências. ?Já se passaram praticamente 30 dias (da recuperação) e nada foi tratado ainda com os credores?, disse Graziella Baggio, presidente do Sindicato Nacional dos Aeroviários.

Segundo ela, a Varig vem sistematicamente atrasando o pagamentos dos salários dos funcionários. Ela informou que nos últimos meses a Varig vinha parcelando o pagamento dos salários em quatro parcelas. Mas esse pagamento foi interrompido e ontem a empresa não pagou a folha de junho.

Segundo ela, os sindicatos querem a convocação imediata de uma assembléia de credores para discutir a negociação da dívida da Varig. ?O tempo está passando. As soluções precisam aparecer.?

Dentro da Varig, a companhia ainda finaliza os últimos detalhes técnicos da contratação de um banco que ficará responsável pelo plano de reestruturação financeira da entidade.