Brasília – O Senado aprovou o salário mínimo de R$ 240,00 mas não conseguiu concluir a votação da medida provisória por conta da obstrução feita pelo PFL e PSDB. Com a obstrução, não houve quórum suficiente para votar dois destaques apresentados pela própria oposição – um do PFL, aumentando o salário mínimo para R$ 260,00, e outro do PSDB, elevando para R$ 252,00.