Brasília – O saldo em transações correntes do Brasil, que inclui todas as operações da balança comercial, balança de serviços e outras transferências, ficou positivo em US$ 696 milhões em junho, de acordo com informações divulgadas nesta segunda-feira (23) pelo Banco Central. A pesquisa é um dos principais indicadores das contas externas e registrou um crescimento de 10,1% ou de mais US$ 64 milhões em comparação ao mesmo mês do ano passado.

Nos últimos 12 meses, o superávit ficou em US$ 15,2 bilhões, o correspondente a 1,33% do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todas as riquezas produzidas. No ano, o saldo acumula US$ 4,383 bilhões, um acréscimo de 58,6% em comparação ao mesmo período do ano passado. As transações correntes registram a balança comercial, a conta de serviços e renda e as transferências unilaterais.

As transações correntes, em junho, foram influenciadas principalmente pelo saldo da balança comercial no mês, de US$ 3,815 bilhões, e pelas transferências unilaterais, de US$ 326 milhões. Os números divulgados pelo Banco Central mostram que de maneira geral, o resultado global do balanço de pagamentos, que inclui as transações correntes e a conta de capital e financeiro, ficou em US$ 10,746 bilhões junho elevando o saldo para US$ 61,610 bilhões.

Os investimentos estrangeiros no país registraram em junho US$ 10,318 bilhões ? recorde para um único mês. Foram mais de US$ 9 bilhões em comparação ao mesmo período do ano passado e também superaram os US$ 7,385 bilhões registrados entre janeiro e junho de 2006 de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira pelo Banco Central. No mês passado, só o setor de siderurgia recebeu em investimentos estrangeiros diretos cerca de US$ 5 bilhões.

No ano, os investimentos estrangeiros já acumulam entre janeiro e junho US$ 20,864 bilhões e estão, apenas, US$ 5 bilhões a menos das projeções do Banco Central de US$ 25 bilhões para todo o ano de 2007. As reservas internacionais ficaram no período em US$ 147,1 bilhões, com acréscimo de US$ 10,7 bilhões em relação ao mês de maio.