Um protesto organizado por centrais sindicais nesta quarta-feira, 28, bloqueou parcialmente o trânsito de uma das mais movimentadas vias do centro da capital gaúcha. Centenas de pessoas se reuniram no local para protestar contra alterações das regras trabalhistas promovidas pelo governo da presidente Dilma Rousseff. O ato, denominado Dia Nacional de Lutas pelos Direitos e Empregos, se repete em outras capitais do País.

Na metade da manhã, a concentração de manifestantes chegou a bloquear duas faixas da Avenida Mauá, na região central de Porto Alegre. A mobilização também causou transtornos aos motoristas e pedestres que circulavam por outras vias centrais, como a Avenida da Legalidade e a Farrapos. No fim da manhã, o trânsito já estava liberado.

O protesto pede a revogação de duas medidas provisórias editadas pelo governo federal no ano passado que modificam as regras de acesso a benefícios como seguro-desemprego, abono salarial e pensão. Segundo os sindicalistas, as medidas reduzem os direitos dos trabalhadores.