A produção industrial do México em outubro subiu 2,1% frente ao mesmo período do ano anterior, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística do país. O resultado ficou abaixo da estimativa de 2,6% de crescimento feita por onze economistas no Wall Street Journal. Na comparação com setembro, o aumento foi de 0,32%.

A atividade manufatureira cresceu 3,9% em outubro frente ao mesmo período do ano anterior ou 0,66% na comparação com setembro com setembro. O desempenho foi liderado pela indústria automobilística, que produziu mais de 3 milhões de carros e caminhões leves até o momento neste ano, um novo recorde de produção. O setor de construção continuou sua recuperação da queda de 2013 e expandiu 5,4% em outubro, na comparação anual e 0,24% na comparação mensal.

Já o setor de petróleo e gás continua com fraco desempenho. A produção caiu 5,1% em outubro frente ao mesmo mês do ano passado. A petrolífera estatal Petroleos Mexicanos relatou que a produção de petróleo recuou 7%, para pouco menos de 2,4 milhões de barris por dia em outubro, enquanto a sua produção de gás natural subiu 1,7% em igual período de comparação. Fonte: Dow Jones Newswires.