Os preços dos bens de consumo comercializados pela internet tiveram um recuo médio de 0,4% em março, aponta o e-Flation, índice pesquisado pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (Ibevar) em parceria com o Programa de Administração de Varejo (Provar). Em fevereiro, o indicador também havia apurado queda, de 0,95%. No acumulado de 12 meses encerrados em março, a deflação nos preços do comércio eletrônico chega a 5,58%.

Quatro categorias apresentaram recuo de preços em março: Brinquedos (5,17%), Cine e Foto (2,1%), Eletrodomésticos (6,05%) e Livros (1,91%). As demais categorias do e-Flation registram alta: CDs e DVDs (2,29%), Cine e Foto (2,1%), Eletroeletrônicos (7,19%), Informática (1,82%), Medicamentos (0,08%), Perfumes e Cosméticos (2,42%) e Telefonia e Celulares (0,87%).