O mercado financeiro reduziu a previsão de alta da taxa Selic, juro básico da economia brasileira, na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central que começa na terça-feira (28). Na pesquisa Focus divulgada nesta manhã pelo BC, o mercado prevê aumento do juro de 0,25 ponto porcentual no encontro dessa semana, o que levaria a Selic de 13,75% para 14% ao ano. Até a semana anterior, prevalecia a previsão de aumento de 0,50 ponto, para 14,25% ao ano. A decisão do Copom será conhecida na noite de quarta-feira.

Entre as instituições que mais acertam as previsões colhidas pelo BC, o chamado Top 5, analistas prevêem a manutenção da taxa básica em 13,75% ao ano no encontro do Copom. Até a semana passada, esse grupo de bancos acreditava, como o restante do mercado, em alta de 0,50 ponto porcentual.

Para a última reunião do ano, entre os dias 9 e 10 de dezembro, a totalidade do mercado prevê novo aumento de 0,25 ponto porcentual, o que faria o juro terminar 2008 em 14,25% ao ano. Entre as instituições do Top 5, no cenário de curto prazo, há expectativa de mais uma manutenção da taxa, o que faria a Selic encerrar o ano nos atuais 13,75%.