Todos os dias a Agência do Trabalhador de Curitiba manda “torpedos”, aquelas mensagens de textos para celular, para 200 pessoas em todo o Paraná. O recurso, disponível para usuários do sistema de telefonia móvel, possibilita à pessoa cadastrada na agência acesso rápido a novas vagas ofertadas. “O usuário recebe a mensagem sobre a nova vaga e, pelo telefone, consulta mais informações sobre a vaga”, explica Manoel Pacífico da Costa, gerente da agência.

O sistema é utilizado pela Agência do Trabalhador para recrutar os trabalhadores cadastrados que tenham escolaridade mínima de 1.º grau completo. Segundo dados da agência, em Curitiba e na Região Metropolitana existem atualmente 70.457 pessoas cadastradas para receberem mensagens de texto. Além disso, a divulgação das vagas também é feita através de e-mail para 16.179 pessoas. No interior, são 28.346 pessoas que recebem os “torpedos” e 555 cadastradas para receber e-mails.

O secretário do Trabalho, Emprego e Promoção Social, padre Roque Zimmermann, acredita que a difusão massiva e relativamente recente da tecnologia celular facilita a localização de pessoas para as vagas ofertadas. “Esse recurso é muito interessante porque contata a pessoa na hora em que a vaga aparece”, destaca o secretário.

Quem recebe o torpedo da Agência do Trabalhador deve ligar para o número 41 322 4233 e seguir as instruções de uma mensagem gravada. Os únicos dados solicitados serão o número de PIS ou CPF. Dessa maneira o candidato terá uma espécie de protocolo para ser atendido na agência e agendar a entrevista, pessoalmente. Aqueles candidatos que não possuem CPF ou PIS/Pasep registrados em seu cadastro ou aqueles que não atenderam a uma convocação para emprego ficam impedidos de utilizar o serviço.

Para utilizar o sistema de torpedos da Agência do Trabalhador é preciso se cadastrar no sistema. Para fazer o cadastro é necessário comparecer a qualquer um dos pontos de atendimento com a carteira de trabalho, RG, CPF, título eleitoral, certificado de cursos concluídos, comprovante de escolaridade e comprovante de residência.