O novo presidente do Eurogrupo, que reúne os 17 ministros de Finanças da zona do euro, será nomeado na segunda-feira, afirmou nesta sexta-feira o atual chefe do grupo, Jean-Claude Juncker.

A expectativa é que Juncker seja substituído no cargo pelo ministro de Finanças da Holanda, Jeroen Dijsselbloem.

“O ministro de Finanças holandês apresentou sua candidatura, que é boa, e a decisão será tomada na próxima segunda-feira”, disse Juncker, que também é primeiro-ministro de Luxemburgo, após se reunir com Dijsselbloem. As informações são da Dow Jones.