O movimento do comércio varejista no País apresentou crescimento de 1% em outubro ante setembro, na série dessazonalizada, divulgou nesta quinta-feira (21) a Boa Vista Serviços, administradora do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC).

No acumulado de janeiro a outubro, houve alta de 1,7% sobre igual período do ano passado. Avaliando os últimos 12 meses, de novembro de 2012 a outubro de 2013, contra os 12 meses terminados em outubro do ano anterior, de novembro de 2011 a outubro de 2012, o indicador subiu 2,6%.

De acordo com o economista da Boa Vista Flávio Calife, o varejo deve encerrar este ano mantendo crescimento, porém com taxas mais moderadas que as observadas nos últimos anos. “Em 2013, a conjuntura de pressão inflacionária, a queda no ritmo de criação de emprego e a desaceleração da renda média da população ocupada não favorecem uma expansão mais acentuada do comércio”, afirmou ele.

Setores

O setor de Móveis e Eletrodomésticos foi o que apresentou a maior variação mensal, de 2,1%, com o dado já dessazonalizado. O segmento de Supermercado, Alimentos e Bebidas aparece em seguida, ao registrar expansão de 0,8% em outubro ante setembro. O setor de Combustíveis e Lubrificantes cresceu 0,6%, enquanto o de Tecidos, Vestuários e Calçados ficou estável.