O Japão registrou déficit comercial de 2,79 trilhões de ienes em janeiro (US$ 27,3 bilhões), o que representa forte aumento em relação ao déficit de 1,63 trilhão de ienes no mesmo período do ano anterior, informou o Ministério das Finanças.

Esse é o maior saldo negativo na balança comercial japonesa desde o início da série histórica, que disponibiliza dados até 1979. O Japão não registra um superávit na balança comercial desde junho de 2012.

Em janeiro, o dado referente às exportações subiu 9,5% em relação ao mesmo período de 2013, frustrando as projeções de alta de 12,5%. Na mesma base de comparação, as importações cresceram 25,0%, também para um valor recorde.

No entanto, economistas alertaram que o dado pode refletir fatores sazonais. As vendas para o exterior historicamente são mais baixas em janeiro devido a feriados na China e em outros países asiáticos. Fonte: Dow Jones Newswires.