enkontra.com
Fechar busca

Economia

economia

Índios prendem funcionários da Norte Energia em aldeia próxima a Belo Monte

  • Por Estadão Conteúdo

Um grupo de indígenas mantém funcionários da empresa Norte Energia, dona da hidrelétrica de Belo Monte, em Altamira (PA), retidos em uma aldeia da região. O conflito ocorre na aldeia Kararaô, localizada nas proximidades do rio Iriri, afluente do Xingu, onde a hidrelétrica foi construída.

Os índios cobram o cumprimento de medidas socioambientais que devem ser atendidas pela Norte Energia. Funcionários da Fundação Nacional do Índio (Funai) também estariam entre as pessoas detidas pelos indígenas.

Questionada sobre o conflito, a Norte Energia confirmou que tem funcionários que foram impedidos de deixar a aldeia, mas não informou quantas pessoas estariam no local. “A Norte Energia informa que suspendeu todas as negociações com a Aldeia Kararaô, enquanto perdurar qualquer forma de privação de liberdade ou risco à integridade física e retenção de seus profissionais, e que está adotando as medidas legais cabíveis”, declarou a empresa.

A concessionária informou que sua posição é de “permanente diálogo e respeito às comunidades indígenas, entretanto reprova todas iniciativas ilegais e abusivas, como a verificada na retenção de seus colaboradores”.

A Funai confirmou que tem funcionários no local, mas declarou que o clima é tranquilo e que atua para resolver a situação.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas