Índice Ifo de sentimento das empresas alemãs cai a 108,2 em outubro

O índice de sentimento das empresas da Alemanha caiu para 108,2 em outubro, de 108,5 em setembro, segundo dados publicados hoje pelo instituto alemão Ifo. O resultado veio melhor que o esperado, uma vez que analistas consultados pela Dow Jones Newswires previam queda mais acentuada do indicador, a 107,8.

Segundo avaliação do Ifo, a economia alemã vem mostrando “resiliência notável”, apesar dos “múltiplos desafios”, que incluem preocupações com a desaceleração da China e de outros grandes países emergentes.

O subíndice do Ifo sobre condições atuais recuou a 112,6 em outubro, de 114,0 no mês passado. Por outro lado, o subíndice sobre as expectativas das empresas para os próximos seis meses avançou para 103,8 neste mês, de 103,3 em setembro.

Ainda de acordo com o Ifo, o clima de negócios do setor automotivo alemão melhorou em outubro e não foi afetado pelo recente escândalo ambiental que envolve a Volkswagen.

O Ifo entrevista cerca de 7.000 empresas dos setores de manufatura, construção, atacado e varejo para sua pesquisa mensal. Fonte: Dow Jones Newswires.

Voltar ao topo