Com o mês de férias, os gastos com viagens internacionais bateram recorde em janeiro e atingiram US$ 1,598 bilhão, segundo dados divulgados na manhã desta sexta-feira pelo Banco Central. É a maior saída de divisas para o mês de janeiro.

Enquanto as despesas de brasileiros no exterior atingiram US$ 2,293 bilhões, as receitas de estrangeiros no País atingiram US$ 695 milhões. As despesas com viagens internacionais integram a conta de serviços do balanço de pagamentos do Brasil com o exterior, que registrou uma déficit de US$ 3,680 bilhões em janeiro. O resultado foi pior do que o registrado em janeiro de 2012, quando o déficit da conta de serviços chegou a US$ 3,368 bilhões.

Depois de viagens internacionais, o item que mais pesou foi os gastos com aluguel de equipamentos, que atingiu US$ 1,565 bilhão. As despesas com transportes atingiram US$ 838 milhões em janeiro, o terceiro item que mais contribuiu para o déficit da conta de serviços.