O Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) acelerou em todas as sete capitais pesquisadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Na passagem do indicador de até 15 de agosto para o IPC-S de até 22 de agosto, o destaque foi a cidade de Recife. A variação positiva do indicador nesta capital pulou de 0,04% para 0,21% no período.

Em São Paulo, capital que representa quase 50% do total do IPC-S, a inflação medida pelo índice passou de 0,30% para 0,39%. As outras cidades que mostraram aceleração da alta de preços foram Rio de Janeiro (de 0,34% para 0,40%), Belo Horizonte (de 0,46% para 0,58%), Brasília (de 0,43% para 0,56%), Salvador (de 0,28% para 0,43%) e Porto Alegre (de 0,28% para 0,37%).