O executivo-chefe da montadora italiana Fiat, Sergio Marchionne, cancelou as duas entrevistas coletivas que pretendia conceder no Salão do Automóvel de Frankfurt no decorrer da próxima semana. Um porta-voz da Fiat não especificou o motivo do cancelamento, mas disse que o motivo é um outro compromisso de negócios.

É possível, inclusive, que Marchionne não compareça ao Salão do Automóvel de Frankfurt na terça-feira, quando a maioria das montadoras e seus executivos devem apresentar novos modelos e conceitos para o futuro. Fonte: Dow Jones Newswires.