As vendas de imóveis residenciais novos cresceram 9,6% em julho ante junho nos Estados Unidos, para uma taxa anual sazonalmente ajustada de 433 mil, informou o Departamento de Comércio do país. Esse foi o quinto aumento em sete meses e a taxa atingida é a maior desde setembro do ano passado. O resultado também superou a projeção média de analistas, que era de alta de 1,6%, para 390 mil.

As vendas de imóveis novos em junho foram revisadas para uma taxa anual de 395 mil, um aumento de 9,1%; originalmente o aumento anunciado havia sido de 11%, para 384 mil. As vendas em maio foram revisadas em alta, dos 346 mil divulgados originalmente para 362 mil.

Na comparação com julho de 2008, as vendas de imóveis novos caíram 13,4% no mês passado. A mediana de preços dos imóveis novos foi de US$ 210,1 mil em julho, 11,5% abaixo do nível de igual mês do ano passado. Na comparação com junho, a queda foi de 0,1%. As informações são da Dow Jones.