O Paraná criou 19.801 postos de trabalho com carteira assinada em fevereiro, o que representa um acréscimo de 0,83% em relação ao resultado de janeiro e um avanço de 44,4% na comparação com fevereiro de 2010 – quando foram gerados 13.710 empregos. No primeiro bimestre de 2011, o Estado acumula um saldo de 35.375 vagas abertas – 1,48% acima do mesmo período do ano passado. Nos últimos doze meses, o Paraná abriu 156.822 novos empregos, o que corresponde a um incremento de 6,93% sobre os doze meses imediatamente anteriores.

Em termos percentuais, os setores que registraram maior expansão no último mês foram serviços (1,19%), administração pública (1,15%) e construção civil (1,10%). Em números absolutos, a expansão do nível de emprego foi alavancada também pelo setor de serviços, com saldo de 9.873 novos postos de trabalho, seguido pela indústria de transformação (5.992 empregos) e comércio (2.407 vagas).

No acumulado do ano, a maior variação foi registrada no segmento da construção civil: 4,12%, com geração de 5.261 empregos. Porém, em quantidade de vagas, serviços é o campeão, com 15.504 vagas criadas. O setor teve o segundo maior aumento percentual: 1,88%.

Leia mais

País gerou 280.799 empregos formais em fevereiro