A estimativa do Banco Central para a dívida externa brasileira em maio é de US$ 314,278 bilhões. Segundo a instituição, o ano de 2016 terminou com uma dívida de US$ 321,297 bilhões.

A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 262,169 bilhões em maio, enquanto o estoque de curto prazo ficou em US$ 52,110 bilhões no fim do mês passado, segundo as estimativas do BC.

De acordo com a instituição, merecem destaques na dívida externa de longo prazo no ano os desembolsos de títulos do setor financeiro (US$ 1,4 bilhão), as amortizações dos empréstimos de outros setores (US$ 1,4 bilhão), os títulos do governo (US$ 250 milhões).

De maneira complementar, houve aumento decorrente de variação cambial de longo prazo (US$ 381 milhões), e da variação dos preços dos títulos de dívida do Governo Geral (US$ 110 milhões).