Acima do patamar dos R$ 2 desde o dia 14 de maio, a moeda norte americana, que vinha sofrendo desvalorização há três dias consecutivos, encerrou as atividades, nesta sexta-feira (25), cotado a R$ 1,996, ou seja, queda de 1,7%. Com esse valor, a semana foi marcada por uma desvalorização de 1,19%. Porém, no ano, a divisa ainda acumula alta de 6,74%.

 Com esse resultado positivo do dólar, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou o pregão em alta de 0,74%, com valor total negociado de R$ 5,6 bilhões e 54.463 pontos. O total de negócios operados na Bovespa foi de 810 mil. A semana foi estável, sofrendo uma pequena desvalorização de 0,9%.