O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou hoje que o Brasil passou pela crise econômica internacional com “bastante propriedade” e que se conduziu durante esse período “com eficiência”. No aniversário de um ano da quebra do banco Lehman Brothers, que marcou o início da mais grave crise das últimas décadas, Mantega afirmou que hoje é um dia de comemoração pela forma como o Brasil atravessou esse período.

Segundo o ministro, o País enfrentou a crise como nunca antes e está sendo um dos primeiros países a sair dela. “E saímos da crise com a cabeça erguida, fortalecido, diferentemente de outras vezes, em que o Brasil saiu destroçado”, afirmou Mantega, que elogiou os representantes da sociedade civil presentes na reunião de hoje do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) e os que também participam do grupo de acompanhamento da crise. Mantega elogiou ainda os demais integrantes da equipe econômica.