O Banco Central (BC) divulgou nesta quarta-feira, 17, os resultados dos leilões de linha realizados no mês de dezembro. Até o dia 12, a instituição não aceitou nenhuma das propostas do mercado.

Os leilões foram realizados em 2, 8 e 12 de dezembro, sendo que nessa última data ocorreram duas operações. Em todas elas a autoridade monetária divulgou a taxa de corte e, se o BC não aceitou propostas significa que as taxas não atenderam às expectativas da instituição.

Em cada uma dessas operações, o Banco Central acolheu até US$ 1 bilhão em propostas. Os dados estão disponíveis junto com as informações de reservas cambiais, divulgadas nesta quarta.

De setembro a novembro, o BC não computou realização de leilões de linha. Essas operações costumam ser mais frequentes no final do ano, quando há mais procura por moeda física. Isso ocorre porque muitas empresas que atuam no Brasil costumam mandar lucros e dividendos para suas matrizes no exterior.