Maior oferta da batata e do tomate forçaram a queda da média de preços dos 30 principais hortigranjeiros comercializados no atacado da Ceasa Curitiba. No comparativo realizado semanalmente pela Divisão Técnica e Econômica – Ditec, da Ceasa Paraná, a média ponderada apresentou redução de 8,6%. A diminuição das chuvas, em muitas regiões produtoras, ajudou o agricultor que voltou a colher aumentando a oferta dos produtos que estão em plena safra.

Entre os oito hortigranjeiros cotados com preços menores em relação à semana anterior, a maior queda, 32,4% , é para o tomate tipo extra 2 A, cotado a R$ 25 para a caixa de 23 quilos. Além da entrada da safra paranaense, principalmente do município de Reserva, os técnicos da Ceasa registraram também cargas de tomate vindas de Santa Catarina e de São Paulo.

Quem também ajudou a influenciar na redução da média ponderada dos preços foram as batatas tipo comum especial, doce e salsa. O saco de 50 quilos da batata comum especial lavada foi cotada a R$ 40 (-18,3%), com registro da entrada do produto principalmente dos municípios de Candói, Guarapuava e Palmas. A batata salsa tipo extra 2 A, a mandioquinha, apresentou baixa nas cotações, com a caixa de 25 quilos sendo cotada em média a R$ 50 (-10,7%). A batata doce tipo extra branca, caixa com 23 quilos, foi cotada a R$ 30 (-3,2%).

Outras duas hortaliças também apresentaram redução nos preços. A caixa de 22 quilos do chuchu, tipo extra 2 A, foi cotado a R$ 15 (-28,5%). O pepino salada tipo aodai extra 2 A, caixa com 21 quilos, está cotado a R$ 28 (-6,6%).

Nas frutas a redução de preços ficou por conta da maçã e melancia. A maçã nacional vermelha tipo Gala, caixa com 20 quilos, está cotada a R$ 40 (-2,4%). Os técnicos do Ditec registraram entrada da maçã dos municípios de Campo do Tenente, Lapa e Porto Amazonas, além das safras de Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O quilo da melancia redonda está cotado a R$ 0,55, o que representa uma redução de 8,3%.

Mais caros

Entre os nove produtos que apresentaram alta em relação à semana anterior estão alface crespa, caixa com 18 unidades, cotado a R$ 15 – aumento de 25%; e vagem macarrão tipo extra 2 A, caixa com 17 quilos, cotada a R$ 40 – aumento de 25%.

Ainda com cotações superiores estão a abobrinha, cenoura, couve-flor, abacaxi, tangerina, uva niágara e ovo branco. Os demais produtos comercializados no atacado da Ceasa Curitiba estão com preços estáveis.