Os bancos da zona do euro deverão ser submetidos a testes de estresse anuais, embora a expectativa seja que a verificação nos próximos anos seja menos abrangente do que a atual, afirmou a chefe de supervisão bancária do bloco, Daniele Nouy, em entrevista publicada hoje pela revista alemã Der Spiegel.

“Como acontece nos EUA, os testes vão evoluir e ganhar ainda mais importância como instrumento da supervisão atual”, disse Nouy.

O BCE está examinando atualmente mais de 120 grandes bancos da zona do euro, como parte de uma ampla avaliação que inclui uma revisão da qualidade dos ativos e um teste de estresse. Os resultados da avaliação serão publicados até novembro, antes de o BCE assumir a tarefa de supervisão bancária no bloco. Fonte: Dow Jones Newswires.