enkontra.com
Fechar busca

Economia

economia

Banco Inter faz sua primeira emissão de LIG, no montante de R$ 12 mi

  • Por Estadão Conteúdo

O Banco Inter realizou sua primeira emissão de Letra Imobiliária Garantida (LIG), no montante de R$ 12 milhões, abrindo uma nova alternativa de funding para crédito imobiliário para reforçar sua posição nessa modalidade de empréstimo. A alternativa soma-se à poupança, às letras de crédito imobiliário (LCI) e aos certificados de recebíveis imobiliários (CRI) como funding para as operações de crédito imobiliário do banco. As LIGs oferecem retorno de 98% do CDI, isentos de Imposto de Renda.

De acordo com o diretor de investimentos, Rafael Rodrigues, a LIG é uma nova oportunidade para ampliar as operações de crédito imobiliário, carro-chefe do Banco Inter. “A LIG nos torna ainda mais completos para atuar no financiamento imobiliário. De um lado, oferecemos aplicações para todos os perfis de investidor; de outro, emitimos papéis com diferentes prazos de vencimento, o que nos permite diversificar a oferta de crédito para o setor habitacional”, explicou em nota.

Com 85 mil clientes investidores no terceiro trimestre de 2018, o custo de captação do Banco Inter teve redução de 12 pontos percentuais e chegou a 83,8% do CDI. No mesmo período, o crédito imobiliário representou 59,8% da carteira de crédito ampliada do Banco Inter, com R$ 1,8 bilhão, sendo 55% de financiamentos e 45% de empréstimos com garantia de imóvel.

Em novembro, o Banco Inter também lançou o seu consórcio imobiliário, com cartas de crédito de R$ 120 mil a R$ 240 mil e prazos de até 240 meses para pagar. Em dezembro, a instituição colocou no ar uma nova plataforma de investimentos, com Home Broker 100% gratuito. A Plataforma Aberta Inter (PAI) contabilizou R$ 6,5 bilhões sob custódia, com R$ 3,6 bilhões de saldo de captação.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas