O presidente do Banco Central da Austrália (RBA, na sigla em inglês), Glenn Stevens, disse hoje, em depoimento a uma comissão parlamentar, que os juros estão em um nível “adequado” no momento, sinalizando uma pausa no agressivo ciclo de um ano de corte das taxas. Ele acrescentou que cortes profundos das taxas de juros ao longo dos últimos anos eram “substanciais” e ajudaram a estimular o crescimento.

O RBA reduziu as taxas de juros para ajudar a estimular o crescimento à medida que o boom da mineração perdeu força no país. Na sua última reunião, em 5 de fevereiro, o conselho político do RBA manteve as taxas de juros inalteradas em 3%, correspondente ao nível atingido antes da crise financeira mundial de 2008. As informações são da Dow Jones.