Apesar do edital para as concessões dos trechos mineiros das BRs 040 e 116 estar previsto para ser publicado apenas em junho deste ano, o balanço da segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2), divulgado nesta sexta-feira, informa equivocadamente que o leilão das duas rodovias ocorrerá ainda no primeiro semestre de 2013. Os investimentos privados previstos nas duas estradas federais somam R$ 8,5 bilhões.

O governo adiou a licitação dos trechos rodoviários para tentar tornar esses leilões mais atrativos para os investidores. Uma das modificações feitas na modelagem dessas concessões estendeu o prazo de concessões de 25 para 30 anos e melhorou as condições de financiamentos.