Boa notícia para os aposentados que ainda estão na ativa. Aqueles que permanecem na mesma empresa em que trabalhavam antes de se aposentar podem sacar mensalmente os depósitos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) – desde que estejam sob o mesmo contrato de trabalho. Até então, só os aposentados a partir de 1.º de dezembro de 2006 tinham direito ao saque mensal dos depósitos.

Segundo o presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados e Pensionistas, ligado à Força Sindical, João Batista Inocentini, cerca de 4,2 milhões de pessoas devem ser beneficiadas pela medida, publicada na Circular n.º 404 da Caixa Econômica Federal.

Para ter direito ao saque do FGTS – que tem valor equivalente a 8% do salário – o aposentado terá de fazer solicitação em uma agência da CEF. Caso ele esteja sob contrato de trabalho assinado após a concessão do seu benefício pelo INSS, na mesma ou em outra empresa, o saque total só poderá ser feito após a extinção do contrato atual. De acordo com Inocentini, há cerca de 6 milhões de aposentados que permanecem ativos, 70% deles no mesmo emprego.