As vendas a prazo no comércio paulistano registraram queda na primeira quinzena de março, em comparação com o mesmo período de 2010. O dado faz parte de pesquisa divulgada hoje pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP). No período, as consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), que mede as vendas a prazo, caíram 5,2% ante a primeira quinzena de março de 2010. O balanço da entidade mostra queda ainda maior, de 9,8%, nas consultas de cheques no SCPC, termômetro das vendas à vista.

O resultado, na avaliação da entidade, deveu-se ao chamado ‘efeito calendário’. Em 2010, o número de dias úteis em março foi maior do que neste ano devido ao feriado de carnaval. A queda nas consultas, devido ao feriado prolongado de carnaval, já era esperada pela ACSP.