A Santo Antônio Energia (SAE) informa que em reunião do conselho de administração da Madeira Energia S.A. (Mesa), detentora de 100% das ações da SAE, realizada na quinta-feira, 2, foi aprovada a convocação de assembleia geral extraordinária (AGE) da Mesa para deliberar sobre o aumento de capital desta, no valor de R$ 1,590 bilhão, para realizar aumento do capital social da SAE.

O valor corresponde às necessidades de capital da SAE para honrar compromissos desta perante a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) referente ao mês de setembro, cuja liquidação está prevista para o próxima segunda-feira, 6 de outubro; e pagamentos pendentes devidos pela SAE ao Consórcio Construtor Santo Antônio (CCSA).

“Em razão dos votos contrários manifestados, não foi possível dispensar as formalidades em relação à convocação da referida AGE, o que implica observar o prazo mínimo de 15 dias entre a data de convocação e a data de realização da respectiva AGE, confirmada, assim, para o dia 21 de outubro”, afirma a empresa.

Diante do descasamento entre as datas previstas para realização da AGE (21/10) e para a liquidação das obrigações da SAE na CCEE (6/10), houve antecipação de recursos por parte de acionista à companhia, na data de hoje e que viabilizará o pagamento da liquidação na CCEE na segunda-feira, evitando, assim, a inadimplência da Santo Antônio Energia.

“Além disso, a aprovação da convocação da referida AGE viabilizou entendimentos entre a SAE e o CCSA, em relação a um cronograma de liquidação de seus créditos, permitindo a continuidade regular das obras da UHE Santo Antônio”, afirma a empresa em fato relevante distribuído nesta sexta-feira, 3.