O dólar fechou em alta esta quarta-feira pelo segundo dia consecutivo, pressionado pelo leilão do Banco Central e pelo interesse de credores de receber mais reais no próximo dia 21 com o resgate integral de uma dívida cambial de US$ 170 milhões. A moeda americana subiu 0,49% e fechou vendida a R$ 2,82, maior valor na semana. No final da manhã, o BC comprou divisas por uma taxa de R$ 2,814. A operação será liquidada no próximo dia 16 (sexta).

Foi o oitavo leilão de aquisição de moeda anunciado pelo BC desde a última quinta (8), início das intervenções. O anúncio do plano de aquisição de dólares para reforçar as reservas cambiais do país foi feito pelo presidente do BC, Henrique Meirelles, no último dia 6. (Correio Web)