O mercado de câmbio negocia o dólar nas taxas mínimas do dia no final desta manhã. Nas transações interbancárias, o dólar comercial estava cotado a R$ 2,023 ao meio-dia, o que significa uma desvalorização de 0,54% em relação à taxa de fechamento dos negócios ontem à tarde. No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros, no mesmo horário, o dólar trocava de mãos a R$ 2,023, baixa de 0,54% no dia, também na mínima.

No mercado de ações, o índice Bovespa registrava alta de 0,41%, a 47.542 pontos. A Bolsa de Valores de São Paulo já estabeleceu novo recorde histórico de pontos hoje, ao avançar até 47.684 pontos, com ganho de 0,71%, na máxima do dia até este horário. O volume de negócios durante o pregão da manhã (duas horas de negociações) somou R$ 988 milhões, projetando para o final do dia um giro financeiro de R$ 3 bilhões.

As ações mais negociadas até agora são Metalfrio, que estréia hoje na Bovespa, com R$ 1,49 milhão e valorização de 3,68% do papel ordinário (ação ON), cotado a R$ 19,70. As ações preferenciais da Petrobras já movimentaram R$ 3,71 milhões e sobem 0,94%, a R$ 47,14. Vale do Rio Doce PNA valoriza 0,223%, cotada a R$ 69,57, com giro de R$ 1,4 milhão.