O delegado da Polícia Federal Praxiteles Praxedes disse, nesta quarta-feira, que o depoimento do deputado Vadão Gomes (PT/SP) nada acrescentou às investigações. Vadão aparece como um dos sacadores das contas do empresário Marcos Valério do Banco Rural.

O deputado apresentou extratos de conta bancária do frigorífico de sua propriedade e autorizou a quebra de seu sigilo bancário. Ele alega que nunca fez qualquer negociação política ou comercial com Valério.