Curitiba Tecnoparque é um programa de cooperação para desenvolvimento de um ambiente de inovação ou "Tecnópolis" e que envolve os setores tecnológico, acadêmico, institucional , empresarial e governamental.

O presidente do IPPUC, Clodualdo Pinheiro Junior, explica que o objetivo é fomentar e integrar a pesquisa básica e aplicada gerada na academia, na indústria e nos serviços urbanos complementares, promovendo e apoiando-se na dinamização ou instalação de incubadoras tecnológicas, no empreendedorismo cultural e em tecnologias de informação e comunicação, numa área propícia para a criação do maior parque tecnológico do país. "Ganham com isso, não só Curitiba e a região polarizada na metrópole, como todo País", diz Pinheiro Junior.

Para Pinheiro Junior, Curitiba possui uma área privilegiada para implantação de ambientes de inovação, com universidades, instituições do setor tecnológico, além de um bom acesso, a 3 km do centro e 15 km do aeroporto e áreas livres para implantação de incubadoras. "Excelentes projetos de pesquisa produzidos em nossas universidades, por exemplo, poderão ser aproveitados em prol do desenvolvimento da cidade."

O Tecnoparque é coordenado pelo IPPUC. Para o professor Gilberto Coelho que trabalha no projeto, esta é uma decisiva ação da prefeitura como parceira dos projetos de desenvolvimento científico e tecnológico. "É uma aliança que une academia, empresários, prefeitura e Governo do Estado para potencializar o esforço dos agentes de inovação e transformação, pesquisadores e aproximá-los da sociedade".