Três amigos que conversavam em frente a um bar na Rua Emerson Aparecido Rodrigues, bairro Campo do Santana, em Curitiba, na noite de quarta-feira (05), foram baleados por uma dupla em uma motocicleta. Um deles morreu na hora.

Testemunhas viram a Honda Twister preta com detalhes em prata passar em frente ao estabelecimento várias vezes, com dois ocupantes. Às 23h30, um deles atirou várias vezes contra um grupo de pessoas que estava na calçada, e a motocicleta fugiu em alta velocidade.

Divonei Manoel Machado da Silva, 27 anos, o “Neco”, foi baleado no peito, perto do ombro, e morreu na hora. Rafael dos Reis Santos, o “Coxinha”, e Jéferson da Silva Gomes, o “Zóio”, fugiram baleados do local e buscaram socorro com amigos e familiares.

Rafael foi internado no Hospital do Trabalhador, com uma bala alojada nas costas, e Jéferson foi para o Hospital Municipal de Araucária fazer uma cirurgia no braço atingido.

Para a equipe da Delegacia de Homicídios, o motivo do assassinato e dos atentados tem relação com o tráfico de drogas. Familiares relataram à polícia que Divonei e Rafael são viciados em crack, e Jéferson, que seria o principal alvo dos disparos, já esteve envolvido em um disputa por pontos de tráfico.