Depois de oito dias de buscas no município de Cerro Azul, Região Metropolitana de Curitiba, o caso do pequeno Brayan Raab Fonseca, de um ano e onze meses, continua um mistério. O garotinho desapareceu no dia 19 de junho e foi visto pela última vez na chácara da família.

Segundo a Polícia Civil, o Serviço de Investigação de Criança Desaparecida (Sicride) de Curitiba comanda as investigações e o Grupamento de Operações Aéreas (GOA) ainda realiza buscas pela região. Porém, até agora nada foi encontrado.

Leia mais: Menino de quase dois anos desaparece de chácara de família na Grande Curitiba

Por isso, a polícia conta com o apoio da população e solicita que qualquer informação a respeito da localização do menino seja passada ao Sicride pelo telefone (41) 3224-6822 ou à delegacia de Polícia Civil de Cerro Azul pelo (41) 3662-1293.

Desaparecimento

Segundo o tio do garoto, Jorge João Rocha Junior, 29, o pequeno foi ao quintal brincar com seu cachorro, mas logo ficou em silêncio. “Minha irmã o chamou e ele não atendeu. Então, saiu olhar na parte de trás da casa e também não o encontrou”, disse.

Os pais ainda procuraram no rio localizado nos fundos da propriedade, mas o tio não acredita que a criança tenha chegado ali. “É um local de difícil acesso. Se pra gente que é adulto já é difícil, imagina pra ele. Não daria tempo”, afirmou.